Ficha Técnica
O Destino da Senhora Adelaide, de Breno Alvarenga e Luiza Garcia (Animação, Belo Horizonte-MG, 2022, 6min.)
LCurta • Animação • 2023 • 6min
Um café da manhã pode mudar toda a vida de Adelaide. Elenco: Maria Elisa Santana, Samira Ávila, Livia Vierno, Daniel Jaber Rodrigues, Marcos Coletta, Luciana Damasceno.

Ficha técnica

Direção: Breno Alvarenga e Luiza Garcia

Produção: Breno Alvarenga e Luiza Garcia

Roteiro: Breno Alvarenga

Direção de Animação: Eloá Goulart

Direção de Arte: Otávio Garcia

Montagem: Luiza Garcia

Música Original: Matheus Garcia e Vinícius Mendes

Edição de Som: Montívia

Gravação de Vozes: Maré Áudio Criativo 

Luiza Garcia é especialista em montagem pela Escuela Internacional de Cine y TV em Cuba, e graduada em Comunicação pela UFMG. Como realizadora, dirigiu o curta documental “Entre Amazonas e Tupis”(2018), “O Destino de Senhora Adelaide” (2022) e “Jardim Tropical” (2022). Como montadora, trabalhou na série “Fronteiras Fluidas” (2018). Editou os curtas “Alta Frequência” e “Camaco”, o longa “Arena”(2020) e hoje monta o longa de Cris Azzi sobre o processos dos últimos 4 anos do Brasil.

Breno Alvarenga é graduado em Comunicação pela UFMG, mestre em Comunicação pela UFPE e doutorando em Cinema e Audiovisual pela UFF. É, ainda, realizador audiovisual, tendo atuado como diretor e roteirista dos curtas-metragens “Quatro Paredes” (2017), “Alta Frequência” (2021), “O Destino da Senhora Adelaide” (2022), “Camaco” (2022) e Jardim Tropical (2023) 

18/08/2023 – 51º Festival de Cinema de Gramado – Prêmio da Crítica de Melhor Filme Ao curta-metragem brasileiro “Camaco”, de Breno Alvarenga e Luiza Garcia recebe o prêmio de Melhor Montagem com o curta-metragem brasileiro “Camaco” | Foto: Cleiton Thiele/Agência Pressphoto